Menu
Busca domingo, 16 de junho de 2019
(37) 99964-0995
Digital Sat Telecom
Geral

Futebol Feminino tem dia de campeãs e estreante na Copa do Mundo

A bicampeã Alemanha enfrenta a China na Copa da França

08 junho 2019 - 10h51Por Agência Brasil

Duas seleções campeãs da Copa do Mundo de Futebol Feminino e uma estreante jogam neste sábado, segundo dia da Copa da França.

Pelo Grupo B, a bicampeã Alemanha enfrenta a China, às 10h, no estádio Roazhon Park, em Rennes. A estreante África do Sul encontra a Espanha, às 13h, no estádio Océane, em Le Havre. 

Pelo Grupo A, a campeã Noruega joga contra a Nigéria, às 16h, estádio Auguste-Delaune, em Reims.

Alemanha x China

As duas seleções já se enfrentaram uma vez em jogos da Copa do Mundo. As alemãs ganharam das chinesas por 1 a 0, na fase seminal da Copa da Suécia - 1995.  

A Alemanha ocupa o 2º lugar no ranking da Fifa. Participou de todas as Copas do Mundo. É Bicampeã. Na campanha de classificação para Copa na França, sofreu apenas uma derrota contra a Islândia e venceu as outras sete partidas sem levar gols. A técnica é Martina Voss-Tecklenburg. A estrela do time é Dzsenifer Marozsan. A jogadora concorreu ao prêmio de melhor jogadora do mundo em 2018 e ficou na terceira colocação. Atualmente joga no Olympique Lyonnais.

Relembre a final da Copa de 2003, quando a Alemanha conquistou o primeiro título mundial ao derrotar a Suécia. 

Relembre a final da Copa de 2007, quando a Alemanha venceu o Brasil e se tornou bicampeã.

China ocupa o 16º lugar no ranking da Fifa. Já participou seis vezes da Copa do Mundo de Futebol Feminino. O primeiro título quase foi alcançado em 1999, quando ficou com o vice-campeonato ao perder para os Estados Unidos. A equipe é comandada pelo ex-jogador Jia Xiuquan. A estrela do time é a atacante Li Ying.

Relembre a final da Copa de 1999 disputada nos pênaltis, quando as chinesas quase alcançaram o primeiro título mundial, mas foram derrotadas pelas americanas. 

Espanha x África do Sul

As duas seleções nunca se enfrentaram.

Espanha ocupa a 13ª posição no ranking da Fifa. Participa do Mundial pela segunda vez. Foi a primeira equipe a confirmar participação na Copa da França de forma invicta nos oito jogos disputados. O técnico Jorge Vilda comanda a seleção espanhola desde 2015, quando iniciou uma renovação na equipe e mudanças táticas. A jogadora Irene Paredes é líder nata e considerada uma das melhores zagueiras do mundo. Apesar de jogar na defesa, a jogadora do Paris Saint-Germain foi a segunda artilheira nas eliminatórias para Copa da França 2019.

África do Sul ocupa a 49ª posição no ranking da Fifa. Depois de várias tentativas, conseguiu a oportunidade de participar pela primeira vez da Copa do Mundo. A técnica é Desiree Ellis, pioneira no futebol feminino na África do Sul. A zagueira Janine Van Wyk, que atua no time americano Houston Dash, soma 160 convocações para defender a seleção sul-africana.

Noruega x Nigéria

As suas seleções já se encontram na Copa de 1995, na Suécia. Noruega goleou a Nigéria por 8 a 0, placar com mair número de gols daquela Copa. 

Noruega ocupa a 12ª posição no ranking da Fifa. Participou de todas as edições da Copa do Mundo. Garantiu vaga na Copa da França ao liderar o grupo 3 nas eliminatórias europeia. O treinador sueco Martin Sjogren sucede Even Pellerud, o homem que levou a Noruega ao título mundial em 1995. A estrela do time é Maren Mjelde, jogadora do Chelsea.

Relembre a final da Copa de 1995, quando a Noruega conquistou o título mundial ao vencer a Alemanha

Nigéria ocupa a 38ª posição do ranking da Fifa. Participou de todas as Copas do Mundo. O melhor resultado foi a classificação para as quartas de final em 1991.O título de campeã da Copa da África 2018 alcançado nos penaltis. A recompensa valeu vaga na Copa da França. O treinador da seleção nigeriana é o sueco Thomas Dennerby. O destaque da equipe é a atacante Asisat Oshoala, que joga no Barcelona e eleita melhor jogadora africana três vezes (2014, 2016 e 2017).

A 8ª Copa do Mundo de Futebol Feminino da FIFA será realizada na França entre os dias 7 de junho a 7 de julho. Neste ano, 24 equipes disputam o título. Desde 1991, a copa feminina ocorre de quatro em quatro anos. Os Estados Unidos são tricampeões (1991, 1999 e 2015); a Alemanha (2003, 2007), bicampeã; Noruega (1995) e Japão (2011) têm um título cada.

Publicidade

Deixe seu Comentário

Agro KZ
BIG NUNES

Leia Também

Política
Presidente do BNDES está com “cabeça a prêmio”, diz Bolsonaro
Geral
Jovem é estuprada dentro de viatura da PM em SP após militares oferecerem ‘carona’
Geral
Quina de São João pode pagar R$ 140 milhões em prêmio principal
Política
Bolsonaro pede que população cobre senadores sobre decreto de armas
Geral
Sete pessoas morrem após chuva no Grande Recife
Geral
Manifestantes voltam às ruas do país
Santa Rosa da Serra
Prefeitura Municipal de Santa Rosa da Serra informa sobre licitações
Política
Governo acaba com obrigatoriedade de simulador para tirar carteira
Geral
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 115 milhões
Ibiá
Vídeo sobre ambulância que supostamente perdeu paciente na estrada não tem envolvimento com Ibiá/MG