Menu
Busca terça, 18 de fevereiro de 2020
(37) 99964-0995
Farmamed novo
Uberaba

Hospital Hélio Angotti prestará atendimento especial durante o Novembro Azul

Exames poderão ser agendados por homens a partir dos 45 anos.

06 novembro 2018 - 11h48Por Maíra Oliveira

Após o sucesso do Outubro Rosa, voltado para a prevenção ao câncer de mama, começa o Novembro Azul, um mês especialmente dedicado à saúde dos homens. E para fortalecer a campanha, que tem o objetivo de incentivar a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata, o Hospital Hélio Angotti, referência no tratamento de câncer na região do Triângulo Mineiro, prestará atendimento via SUS, nos dias 10 e 24 de novembro e no dia 1º de dezembro.

Podem realizar o exame homens acima de 45 anos, que sejam da raça negra ou possuam histórico da doença na família, maiores fatores de risco para o câncer de próstata, e qualquer homem com mais de 50 anos, que realizou o exame há mais de um ano.

De acordo com Sandra Vieira, Coordenadora de Campanha de prevenção do hospital, a expectativa é de que sejam feitos 400 atendimentos por dia. “Para participar, o interessado deve realizar o agendamento antecipado na unidade de saúde mais próxima e levar CPF, RG, cartão do SUS e comprovante de endereço ou título de eleitor”, explica.

Dados do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) mostram que, no Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma, e leva a óbito 20% dos pacientes.

Para o médico e presidente do Hospital Hélio Angotti, Délcio Scandiuzzi, a detecção antecipada da doença é fundamental, já que a próstata, ao ser tratada, pode provocar alguns efeitos colaterais como a incontinência urinária e a disfunção erétil.

“O Novembro Azul é uma forma de estimular a detecção precoce do câncer de próstata, contribuindo para a eficácia do tratamento e cura. A campanha também é fundamental para desmistificar a preocupação com o exame de toque. Em muitos casos, apenas o exame de sangue PSA (Antígeno Prostático Específico) não é o suficiente para detectar a doença, sendo o exame clínico o mais assertivo para confirmar alterações de volume e dimensões na próstata. O ideal é que sejam realizados os dois exames, pois um complementa o outro.”, destaca.

Deixe seu Comentário

DISK PIZZA RODRIGUES BARBOSA
AGROCAMPO

Leia Também

Varjão de Minas/MG
Motorista morre após bater em veículo e caminhão na BR-365
Florestal/MG
Barragem com risco de rompimento obriga moradores a deixarem suas casas em Minas
Uberaba/MG
PM envia mais de cinco toneladas de donativos arrecadados durante campanha “SOS Chuvas”
Serra do Salitre/MG
Quatro são presos pela PC suspeitos de terem assassinado idoso de 92 anos
Geral
Mãe fica sabendo ao vivo que filha foi assassinada
Itaúna/MG
Consumidores serão indenizados por encontrar corpo estranho semelhante a rato em molho de tomate
Belo Horizonte/MG
Ex-aluno da UFMG é acusado de estuprar 12 pessoas, inclusive dentro do campus
Os crimes foram praticados na UFMG, em uma república estudantil, em um sítio na Pampulha e na residência do autor
Minas Gerais
Depois de 80 anos sem ser vista, ave rara é encontrada em Minas Gerais
Campos Altos/MG
Rapaz é preso pela PM cinco minutos depois de furtar estabelecimento comercial em Campos Altos/MG
Araxá/MG
Jovem de 19 anos é pego com drogas e é preso pela PC em Araxá/MG